Alemdasaulas's Blog

Isto é uma espécie de portofolio ;P

Em vez dos plásticos… setembro 16, 2017

Anúncios
 

Baunilha junho 24, 2017

 

[Vídeo divulgado no FB pela Prof.ª Elsa Salzedas]

[Vídeos divulgado no FB pelo Prof. Rui Soares]

 

  • Qual é a origem da baunilha natural?
  • O que pode explicar a localização restrita da fonte natural da baunilha natural?
  • Que processo permitiu a sua expansão geográfica?
  • Qual o impacte de diferentes formas de polinização: autopolinização versus  polinização cruzada na diversidade (genética)  intra específica? Que desvantagens/ vantagens resultam da polinização artificial?
  • Considera a introdução uma ou duas espécies de seres vivos em novos biótopos.
    • – Que impactes ecológicos poderão ter a introduções de seres exóticos?
    • – Que vantagens económicas poderão resultar de imediato na introdução não de uma mas das duas espécies relacionadas?
  • Pesquisa o produto que está na base do aroma de baunilha e a forma laboratorial de produção.  Indica o código que como aditivo lhe é atribuído. Identifica-o em rótulos de produtos alimentares e farmacêuticos.
 

Deslizamento(s) março 10, 2017

Deslizamento de terra por descongelamento do permafrost

(partilhado no FB pela Prof.ª Brígida Monteiro)

 

 

Pergelissolo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Zona do Permafrost, no Ártico

Cunha de gelo.

Polígonos no permafrost

O permafrost ou pergelissolo (em português) é o tipo de solo encontrado na região do Ártico.

É constituído por terra, gelo e rochas permanentemente congelados (do inglês perma = permanente, e frost = congelado, ou seja: solo permanentemente congelado). Esta camada é recoberta por uma camada de gelo e neve que, se no inverno chega a atingir 300 metros de profundidade em alguns locais, ao derreter-se no verão, reduz-se para de 0,5 a 2 metros, tornando a superfície do solo pantanosa, uma vez que as águas não são absorvidas pelo solo congelado.

Recomenda-se cuidado ao erigir edificações ou pavimentação neste tipo de solo, uma vez que, se a camada de permafrost for rompida, a edificação ou a pista pavimentada pode afundar no terreno.

 

Reciclagem- vidro e sílica (areia)

Divulgado pelo Prof. Rui Soares no FB

 

Impactes dos Fogos Florestais fevereiro 19, 2017

Publicitado pela Professora Sofia Ribeiro, no FB

https://www.rtp.pt/play/p3148/e274572/biosfera

 

 

Espécies autóctones, exóticas, invasoras,… o que são? fevereiro 15, 2013

Filed under: 12.º ano- Biologia,AMBIENTE,BIOLOGIA,CTSA,LOCAL — alemdasaulas @ 17:05

Aqui fica um artigo publicado na Superinteressante n.º 68 de Abril de 2012
As plantas exóticas infestam Portugal
FONTE: http://www.superinteressante.pt/index.php?option=com_content&view=article&id=1488:invasoras-silenciosas&catid=6:artigos&Itemid=80
e uma proposta de questões para a exploração do mesmo artigo:
QUESTÕES PROPOSTAS
– Refere o que pode motivar a introdução de espécies estrangeiras.
– Esclarece a relação entre o ritmo de introdução de espécies estrangeiras com fenómenos de mobilidade humana.
– Distingue espécies “exóticas” ( “estrangeira”, “alienígena” ou “intrusa”) de “ autóctones”
– Exemplifica duas espécies de plantas exóticas que são facilmente confundidas com espécies autóctones.
– Distingue, usando exemplos do texto, o conceito de espécie “exótica” de “invasora” (infestante ou praga vegetal).

– Comenta o gráfico a seguir apresentado.

invasoras fonte: http://www.invasoras.pt/o-que-sao/
– Enumera características que podem tornar uma espécie exótica numa espécie invasora.
– Enumera as consequências num ecossistema que podem ser provocadas por uma espécie invasora.
As plantas exóticas infestam Portugal

Vê mais em : http://www.invasoras.pt/

 

Leonardo publicitou… (no FB) maio 29, 2012

Novas aplicações biotecnológicas inspiradas na fotólise da água.

http://www.cienciahoje.pt/index.php?oid=54283&op=all

 

(Boa, Leonardo!)